Acupuntura veterinária em animais de estimação

02/03/2018
por Renata Brunelli
Acupuntura veterinária em animais de estimação

A acupuntura é uma terapia chinesa que vem sendo usada em humanos há milênios. A técnica consiste na aplicação de agulhas em determinados pontos do corpo para tratar doenças físicas ou emocionais, além de melhorar o sistema imunológico. A prática é muito comum nos seres humanos, porém está sendo bastante usada para tratar dores e desconfortos em cães e gatos.

A acupuntura, quando aplicada corretamente por um profissional treinado, não tem contraindicações ou efeitos adversos. Para a maioria dos casos, a acupuntura deve ser usada como um tratamento complementar à terapia tradicional (com medicamentos normais), não como uma substituição. Antes de se iniciar a acupuntura, é importante que seja feito um diagnóstico preciso do problema que acomete o cão, pois ela pode mascarar os sintomas, criando a falsa impressão de que está tudo bem.

As principais indicações da acupuntura para cães e gatos são:

- Alergias

- Alívio de doenças neuromusculares, inclusive sequelas de cinomose

- Câncer

- Controle da dor

- Dermatite acral por lambedura

- Distúrbios respiratórios

- Distúrbios digestivos

- Epilepsia

- Incontinência urinária

- Paralisias

- Problemas comportamentais como ansiedade de separação

- Problemas de coluna

Há casos, por exemplo, de cães paralíticos que não tiveram resultados satisfatórios com cirurgias de coluna, mas que voltaram a andar após o tratamento com acupuntura.

Ela pode ser aplicada em animais de qualquer sexo e idade, e pode ser útil em casos nos quais o cão não possa ser submetido a uma cirurgia, ou que esta não surtiu os efeitos desejados. É também uma ótima forma de se prestar cuidados paliativos a cães idosos e com doenças crônicas, fornecendo mais qualidade de vida.

No geral, os cães respondem bem ao procedimento e não se importam com as agulhas fininhas. Os resultados são bastante satisfatórios e colaboram muito com a saúde do animal.

De qualquer forma, consulte sempre um profissional veterinário, somente ele pode diagnosticar e decidir qual o melhor tratamento para seu pet.

Conte com a assistência veterinária emergencial Meu Pet Protegido; se seu pet apresentar algum sintoma incomum, você tem o atendimento, no momento certo, para cuidar do seu amigo.


Banner Blog

Loading...