Cachorro X apartamento: Será que combinam?

29/06/2018
por Renata Brunelli
Cachorro X apartamento: Será que combinam?

Ter um cachorro em apartamento ou casa é sempre uma alegria, mas exige muita dedicação e um cuidado especial com a saúde do animal, bem como com a limpeza da casa.

Por isso, ter um animal de estimação em apartamento pode dar um pouco mais de trabalho, mas é possível! Para te ajudar na missão de deixar sua casa sempre limpa e cheirosa, separamos algumas dicas:

Mantenha uma rotina de limpeza

Essa é a principal dica para manter a casa sempre em ordem e com um cheiro agradável. Algumas atividades devem ser feitas diariamente ou em dias alternados no caso de quem tem bichinhos, como varrer a casa, passar aspirador nos estofados e passar pano no chão.

Recolher fezes e xixi do cachorro é uma tarefa necessariamente diária, limpando o espaço que ele usa para fazer as necessidades com um pano com álcool ou desinfetante.

Adestre seu cão

Ensinar o seu cachorro a fazer as necessidades em um só local ajuda muito na hora de manter a casa limpa. O ideal é começar logo no primeiro dia do Pet em casa, limitando o espaço onde ele fica e forrando tudo com jornal – ou deixar ele solto pela casa, mas com um local como o “banheiro” dele, colocando os jornais no chão e levando o bichinho sempre até lá quando ele estiver prestes a fazer as necessidades. Ele certamente fará tudo em cima do papel depois de um tempo.

Nas semanas seguintes, vá retirando o jornal gradualmente, até que sobre apenas uma folha aberta. A cada vez que o cão fizer xixi ou cocô no lugar certo, presenteie-o com um petisco e elogie-o. Se ele insistir em fazer no lugar errado, leve-o até o lugar certo e mesmo que faça só um pouquinho no jornal, e então gratifique-o.

Evite o excesso de pelos pela casa

O aspirador de pó é imprescindível para quem tem cachorro em apartamento. Os bichinhos acabam soltando muito pelo e algumas raças soltam mais que outras. Se esse é o caso do seu melhor amigo, escove-o todos os dias e mantenha a tosa dele em dia.

Se o pelo gruda na sua roupa, não coloque a peça na máquina. Primeiro, passe um rolinho adesivo ou uma escova para retirar tudo o que for possível. Os pelos nas roupas dentro da máquina de lavar podem grudar em outras vestimentas.

Limpe sempre os potes de ração e água

Diariamente, ao fim do dia, lave o pote de ração e de água do seu cão. A umidade no prato de comida pode causar fungos e levar a uma dor de barriga ou quadro de intoxicação no bichinho. Além disso, a vasilha de água também deve ser limpa frequentemente, pois, além dos fungos que podem se desenvolver ali, também há o risco da criação de mosquitos transmissores da dengue.

Elimine o cheiro característico do cachorro

Existe uma ótima solução caseira para tirar, de uma vez por todas, aquele cheirinho característico do seu Pet:

Dilua 3 colheres de sopa de vinagre de vinho branco em 1 litro de água e passe com um pano no chão. O vinagre é poderoso na hora de eliminar os odores, não mancha o piso e não causa alergias. E pode ficar tranquilo: a diluição na quantidade certa de água não vai deixar seu apartamento com cheiro de vinagre.

Limpe os sofás e tapetes

Acidentes podem acontecer e sempre há o risco de o cão fazer xixi, cocô ou até mesmo vomitar sobre o sofá, poltrona ou tapete.

Se isso acontecer, no caso do cocô e do vômito, retire toda a parte sólida e comece a limpeza: limpe com água e detergente, esfregando com uma bucha. Seque deixando algumas folhas de papel toalha sobre o “incidente”.

Para retirar o cheiro, use a mesma solução de água e vinagre, mas em outra medida: 100 ml de água para 50 ml de vinagre. Borrife no local sem esfregar.

Dê banho frequentemente

Cão em apartamento exige também uma atenção especial com a higiene do próprio Pet. Um cachorro que vive em ambiente interno deve tomar banho uma vez por semana, em média.

Para o banho a seco, além dos produtos vendidos em Pet shop, há uma solução caseira fácil de preparar: uma parte de água morna, uma parte de vinagre de maçã e outra de álcool. Molhe um pano na mistura e passe em todo o corpo do animal, tomando cuidado com os ouvidos. Depois, seque com uma toalha e finalize com um secador de cabelo para não ficar nada molhado. Além de prática, essa solução não corre risco de ser alérgica para o animal, como alguns shampoos.

No mesmo dia em que o animal tomar banho, limpe bem a caminha onde ele dorme, seu cobertor e seus brinquedos. Se for possível, deixe esses itens no sol por algumas horas.

Aposte em cheirinhos de ambientes

Os produtos disponíveis no mercado para perfumar não resolvem o problema do cheiro do animal, mas podem ajudar a deixar a casa mais cheirosa. Compre produtos perfumados específicos para passar no chão, aromatizadores de ambiente, incensos e borrifadores de perfume para a casa. Depois de uma boa limpeza, finalize com esses produtos para deixar um cheirinho agradável no ar.

A melhor dica é sempre ter paciência e se conscientizar de que imprevistos acontecem e sempre é possível resolver a situação com os produtos certos.


Banner Blog

Loading...