Coceira em cães: saiba as principais causas

28/01/2020
por Renata Brunelli
Coceira em cães: saiba as principais causas

Quem tem pet em casa sabe que os peludos gostam de se coçar. 

Entre brincar, dormir e se alimentar, os cães têm o comportamento normal de se coçarem. Por essa razão, você deve prestar atenção se o seu cachorrinho está se coçando de forma exagerada e com muita frequência.

Confira nesta matéria tudo o que você precisa saber sobre a coceira em cães.

Como saber se meu cachorro está se coçando mais do que o normal?

Algumas coçadinhas rápidas durante o dia são normais. Assim como nós nos coçamos às vezes, nossos cães também têm essa necessidade. No entanto, se seu cachorro anda se coçando com muita frequência e por um período de tempo maior, algo pode estar errado. Se ele apresentar lesões, queda de pelo em alguma região (em especial na área em que coça), ou usa a boca para se coçar, não dê bobeira: ele precisa visitar o médico veterinário.

O que pode causar coceira?

Pulgas e carrapatos

Apesar de não ser novidade para os pais de Pets, achamos importante colocar as pulgas e os carrapatos nesta lista. Se a coceira é provocada por esses parasitas, basta tratar com antipulgas, certo? Mais ou menos. Na verdade, muita gente acaba aplicando o antipulgas e carrapatos apenas quando o cachorro está passando por uma infestação, mas o ideal é fazer a manutenção desse medicamento conforme a embalagem. Ou seja: se a dose do antipulgas está atualizada, nosso cachorro não corre risco de infestação, afinal, o melhor remédio é sempre prevenir!

Além disso, a picada desses parasitas pode transmitir doenças mais sérias, como a doença do carrapato, por exemplo.

Alergias

As alergias são grandes responsáveis por coceira em cães. Confira as causas mais comuns:

Alimentos: alguns alimentos e mudanças na ração podem causar alergias;

Pulgas: a saliva das pulgas pode desencadear uma reação alérgica em alguns cães. Prevenir o aparecimento desse parasita é a melhor solução;

Plantas: algumas plantas podem ser responsáveis por provocar alergias no seu amigo;

Dermatite de contato: componentes de produtos, em especial os químicos, podem causar alergias.

Sarna

A sarna é uma doença de pele causada por um ácaro. Não existe uma vacina que previna a sarna, mas medidas curativas como shampoos específicos, pomadas e medicação podem ser adotadas pelo médico veterinário. Se seu cachorro está apresentando uma queda de pelo nas regiões dos olhos, boca ou patas, pode ser sarna.

Estresse e Ansiedade

Alguns quadros psicológicos como estresse e ansiedade podem deixar seu cachorro com coceira excessiva. Além de coceira, esses quadros podem provocar outros comportamentos em seu cão, como:

Latir muito;

Lamber-se excessivamente;

Tremer;

Respiração ofegante;

Esconder-se;

Agitação;

Destruir objetos.

Outros fatores

Infecções na pele do cachorro e seborreia (tanto seca quanto oleosa) também podem causar coceira.

Se você percebeu que seu cachorro anda se coçando muito, a primeira medida deve ser levá-lo ao veterinário. Esse profissional examinará seu melhor amigo e passará o diagnóstico e o tratamento corretos. Com um plano de saúde Meu Pet Protegido você tem consultas e exames ilimitados, seu melhor amigo vai te agradecer!

 


Banner Blog

Loading...