Óleo de linhaça na dieta pet

08/12/2017
por Renata Brunelli
Óleo de linhaça na dieta pet

O óleo de linhaça tem sido divulgado ultimamente como um complemento na dieta de animais, aliado a alimentação balanceada promete dar a seu pet uma vida mais saudável, evitando distúrbios e doenças. A linhaça é um dos poucos produtos vegetais que contém ômega-3 e ômega-6, sendo essencial para o funcionamento do organismo, e desempenhando um papel muito importante no corpo dos animais.  De efeito antiinflamatório, o grão ajuda a combater infecções cutâneas, distúrbios intestinais e inflamações articulares. Além disso, a presença destes nutrientes estimula as funções cerebrais e a capacidade de aprendizagem dos cachorros.

Usado principalmente como um remédio para as condições de pele como, coceira e perda de pelo, agora é um dos suplementos mais recomendados para cães e gatos, ajudando a prevenir e controlar a pressão arterial e problemas cardíacos.

Existe uma grande variedade de alimentos para pet no mercado, que informam alto valor nutritivo em sua fórmula, no entanto esses alimentos industrializados podem ser deficientes em alguns nutrientes essenciais para a saúde como o ômega -3, que protege seu pet de várias doenças.

Você encontra em forma líquida ou na forma de cápsulas, há quem use sementes de linhaça moída como suplemento, mas as preferidas são em forma de cápsulas.

A dosagem recomendada é de 1 colher de chá do óleo para cada 11 kg de peso corporal, ou seja, um Golden Retriever de 30 kg, por exemplo, deve tomar cerca de duas colheres de chá e meio por dia. Um gato de 5 kg deve tomar uma colher de chá por dia. Você pode dar tudo em uma refeição ou separar durante o dia.

Em soma, o óleo de linhaça é benéfico para a saúde do seu pet, lembrando que antes de oferecer qualquer suplemento para seu cachorro ou gato, consulte antes um veterinário, somente ele poderá indicar o que é melhor para cuidar da saúde do seu pet.


Banner Blog

Loading...